Equipes da UJR/Feevale garantem classificação com vitórias | Universidade Feevale

Equipes da UJR/Feevale garantem classificação com vitórias

26/08/2019 - Atualizado 18h01min

UJR


As equipes Sub-11 e Sub-13 da UJR/Feevale garantiram a sua classificação à segunda fase da Liga Gaúcha de Futsal. Elas foram confirmadas, no sábado (24), com as vitórias de 3 a 1 e 4 a 1 sobre o Brilhante, de Pelotas, na rodada dupla, disputada no Ginásio Municipal Agostinho Cavasotto, em Novo Hamburgo. Com o resultado, a Sub-11 da UJR/Feevale subiu para a segunda colocação do grupo A, com 13 pontos, e, agora, aguarda para conhecer os seus novos adversários. Já a Sub-13, que fechou a rodada com 14 pontos, também na chave A, terá o seu último jogo na fase classificatória no dia 12 de setembro, contra o líder Gaúcho, em casa.

Contra o time pelotense, a Sub-11 da UJR/Feevale disputou o seu último jogo na fase classificatória. Para não depender de outros resultados, a garotada da UJR/Feevale entrou em quadra determinada a buscar o resultado positivo. Superior na etapa inicial, o tricolor hamburguense foi para o intervalo com a vantagem de 1 a 0. No segundo período, o Brilhante equilibrou mais o confronto, mas foi a UJR/Feevale que balançou as redes, em outras duas oportunidades, enquanto os pelotenses conseguiram descontar apenas nos minutos finais.

Já a categoria Sub-13 buscava a sua classificação com uma rodada de antecedência na Liga Gaúcha. No primeiro período, apesar da boa produção ofensiva, a UJR/Feevale marcou dois gols. A superioridade hamburguense continuou no segundo período e os donos da casa fizeram o terceiro. Mesmo com os três gols sofridos, o time visitante não se intimidou, fez o seu gol e, deixou o jogo perigoso, quando o tricolor hamburguense teve um jogador expulso. Com um atleta a menos em quadra, o tricolor hamburguense soube se defender e manteve a vantagem. No último minuto, em cobrança de pênalti, a UJR/Feevale fechou a partida.

Após os jogos, o treinador das duas equipes, William Ferreira das Neves, o Biro, enalteceu a entrega dos garotos em quadra. “Aliamos emprenho e resultado, que foram importantes para o resgate da confiança dos meninos. Na minha avaliação, fizemos uma boa fase classificatória e atingimos um dos nossos objetivos, que era passar para a segunda fase. Mas, queremos mais dentro do campeonato, então, precisamos seguir trabalhando com força e foco total, para termos condições de avançarmos para as fases finais da Liga Gaúcha”, destacou.