Startup instalada no Feevale Techpark promove curso na área de TI | Universidade Feevale

Startup instalada no Feevale Techpark promove curso na área de TI

18/11/2020 - Atualizado 19h28min

Inscrições são gratuitas e podem ser realizadas até o dia 24 deste mês

Growdev

A Growdev, startup instalada no Feevale Techpark, lançou o Codaí, um curso que tem como objetivo apresentar as oportunidades do mercado de tecnologia e introduzir ao desenvolvimento de aplicações para web. O curso, que é on-line e gratuito, acontecerá de 25 de novembro a 8 de dezembro. As inscrições podem ser realizadas até o dia 24, pelo site codai.growdev.com.br.

A iniciativa, realizada em parceria com o Seprorgs e a Umbler, visa estimular o interesse de jovens e adultos na área de desenvolvimento de software.

Nosso foco é apresentar aos participantes uma das carreiras mais em altas no mercado e as grandes oportunidades relacionadas, assim como introduzi-los no mundo do desenvolvimento de aplicações web e, principalmente, dar um norte para quem quer ingressar na área”, destaca Manoel Roldão, CEO da Growdev.

A ideia do Codaí, segundo Roldão, ganhou força quando o Seprorgs – entidade patronal das empresas de informática do Rio Grande do Sul, que representa mais de 17 mil companhias gaúchas do ramo – demonstrou interesse em fomentar ações que contribuíssem para a geração de mão de obra qualificada na área de desenvolvimento de software. “Eles nos relataram as dificuldades que as empresas, em todo o Estado, enfrentam para encontrar pessoas desenvolvedoras de software, algo que conhecemos muito bem, pois é um problema em nível nacional”, afirma o CEO.

Outra parceira do projeto é a Umbler, empresa gaúcha especializada na hospedagem de sites e aplicações. “Quando definimos que no Codaí os participantes publicariam a aplicação web desenvolvida ao longo do curso, não tivemos dúvida que isso deveria ocorrer na plataforma da Umbler, devido à sua qualidade”, destaca Roldão.

Sobre a Growdev

A startup, que completa um ano neste mês, atua com o propósito de acelerar a entrada de pessoas no mercado de desenvolvimento de software.

Estamos muito felizes, pois muitos alunos nossos já estão trabalhando em várias empresas do Vale do Sinos e da Região Metropolitana. Estamos possibilitando a mudança na vida de muitas pessoas e ajudando diretamente as empresas no fechamento das suas vagas em desenvolvimento de software”, afirma Manoel Roldão.