Professoras da Feevale participam do XVI Ibercom | Universidade Feevale

Professoras da Feevale participam do XVI Ibercom

26/11/2019 - Atualizado 27/11/2019 10h34min

Ibercom arte

Evento acontece na Colômbia, a partir desta quarta-feira

Nos dias 27, 28 e 29 de novembro será realizado, em Bogotá, na Colômbia, o XVI Congresso da Associação Ibero-Americana de Comunicação (Ibercom). O evento tem como objetivo o debate sobre os estudos de comunicação. O tema deste ano reflete sobre a atual situação da Colômbia e o diálogo em épocas de conflito e pós-conflito: Comunicação, violências e transições.

As professoras do curso de Jornalismo da Feevale, Vanessa Valiati e Saraí Schmidt, e Sandra Montardo, do curso de Publicidade e Propaganda, e a doutoranda em Processos e Manifestações Culturais, Marina Mentz, representarão a Instituição no evento. “Serão momentos de discussões em diversos grupos de trabalho e palestras com pesquisadores renomados na área” explica Vanessa, que também é pesquisadora do mestrado em Indústria Criativa da Universidade. Ela apresentará, no evento, os resultados encontrados em sua pesquisa que aborda as dinâmicas afetivas e relacionais no consumo de conteúdo audiovisual em plataformas de streaming, especificamente a Netflix. O trabalho tem relação com a pesquisa desenvolvida na Feevale, intitulada Dinâmicas de consumo e produção de conteúdos criativos em plataformas digitais.

Cada uma das divisões temáticas do evento aborda uma área específica da comunicação. A professora Sandra Montardo conta um pouco sobre o trabalho que apresentará no Congresso. “Participarei da divisão temática Comunicação e Cultura Digital com meu projeto de pesquisa Estudos de Performance como Estudos de Software: selfies como performances mediadas. A ideia do artigo é ver como esses processos automatizados que estão presentes em plataformas digitais, como o Instagram, por exemplo, podem moldar a nossa subjetividade e, também, questões de identidade, sem que muitas vezes a gente se dê conta”, explica.

Saraí, que também é docente nos Programas de Pós-graduação (PPG) Diversidade Cultural e Inclusão Social e Processos e Manifestações Culturais, apresentará o trabalho A mídia produz a escola que ninguem vê: um estudo sobre identidades, educação e discriminação. O artigo foi produzido em conjunto com o mestrando Tiago Fioravante e aborda uma reflexão sobre a relação mídia, educação e discriminação. “O foco do trabalho é problematizar a cultura da mídia e o impacto para uma educação contemporânea com mais empatia e menos discriminação", destaca.

Já Marina falará sobre o estudo A presença da violência nos principais desafios aos direitos das crianças em pauta no jornalismo brasileiro. O artigo investiga a relação do jornalismo e a garantia dos direitos das crianças ao veicular notícias sobre o tema, a partir dos atravessamentos entre violência, cultura e as infâncias brasileiras. O estudo integra a parte inicial da tese de doutorado da acadêmica, intitulada Não é brincadeira! Os seis principais desafios aos direitos das crianças em pauta no jornalismo brasileiro, orientada por Saraí. A doutoranda ressalta a importância de participar do Ibercom. ¨A aprovação do trabalho para apresentação no congresso internacional é uma oportunidade muito rica para compartilhar a proposta de minha tese, que está em construção. É um fórum privilegiado e qualificado no campo da Comunicação", diz.

As professoras Vanessa e Sandra são coordenadoras do grupo de pesquisa Comunicação, Cultura e Consumos Digitais; já Saraí é coordenadora do grupo de pesquisa Criança na Mídia. Elas representarão, não somente, a Feevale, mas também estes grupos de pesquisa e os PPGs que estão contemplados neles, que são: Mestrado Profissional em Indústria Criativa, PPG em Diversidade Cultural e Inclusão Social e PPG em Processos e Manifestações Culturais. Mais informações sobre a pós-graduação na Feevale podem ser obtidas no site.