Vai fazer a prova do Enem neste ano? | Universidade Feevale

Vai fazer a prova do Enem neste ano?

08/05/2020 - Atualizado 10h06min

Fique de olho do período de inscrições e prepare-se para as provas

enem

Quer ingressar na Universidade Feevale com bolsa integral do Programa Universidade para Todos (Prouni), oferecida pelo governo federal? Saiba, então, que é necessário fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e obter uma boa pontuação na prova. Neste ano, o candidato poderá optar entre realizar a prova impressa (1º e 8 de novembro) ou digital (22 e 29 de novembro).

As inscrições para os dois modelos de provas devem ser realizadas de 11 a 22 de maio, pelo site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) – enem.inep.gov.br/participante – ou no aplicativo Enem. A implantação do formato digital será progressiva, devendo ser consolidada até 2026, quando não haverá mais a versão em papel.


Aulas preparatórias
A partir de 18 de maio, a TVE irá veicular em sua programação, de segunda a sexta-feira, das 19h às 22h15min, aulas preparatórias para o Enem. Serão 20 aulas semanais e 344 horas de preparação para todos os componentes curriculares. Os alunos ainda terão acesso às aulas pelo Portal da Educação e poderão conversar com os professores via chat.

O Pré-Enem RS contará com quatro períodos diários de 60 minutos e vai contemplar 86 horas/aula para cada área do conhecimento, incluindo eixos ligados às disciplinas de Física, Química, Biologia, Matemática, História, Geografia, Filosofia e Sociologia, Literatura, Língua Portuguesa, Artes, Língua Estrangeira (Inglês e Espanhol) e Redação. As aulas seguirão até 31 de outubro, semana que antecede o início das provas.

A carga horária dos componentes curriculares foi definida de acordo com a ocorrência das disciplinas nas questões do Enem. O tempo de aulas será dividido em parte introdutória de cada eixo, explanação sobre o assunto, problematização em relação aos acontecimentos atuais e disponibilização de lista de exercícios, ocorrendo, por fim, interação em tempo real de questões de alunos via chat. Os estudantes que perderem algum conteúdo durante a semana poderão acessar o canal do YouTube, diretamente no site da Secretaria Estadual da Educação (Seduc) ou por meio do Portal da Educação.