Representantes da Feevale e do Consinos participam de encontro no Legislativo de Novo Hamburgo | Universidade Feevale

Representantes da Feevale e do Consinos participam de encontro no Legislativo de Novo Hamburgo

26/07/2019 - Atualizado 11h03min

Reunião na Câmara Foto: Luís Francisco Caselani/CMNH

Reunião tratou sobre a realização do II Seminário de Desenvolvimento Econômico do município

O professor Gabriel Grabowski, presidente do Conselho Regional de Desenvolvimento do Vale do Rio dos Sinos (Consinos), e a professora Lisiane Fonseca da Silva, representaram a Universidade Feevale na primeira reunião de organização do II Seminário de Desenvolvimento Econômico de Novo Hamburgo, realizada na tarde desta quinta-feira, 25. A segunda edição do seminário, promovido pela Câmara Municipal de Novo Hamburgo, por meio da Comissão de Competitividade, Economia, Finanças, Orçamento e Planejamento (Cofin) e da Escola do Legislativo, ainda não tem data definida.

O objetivo do evento é dar continuidade aos debates iniciados em 2018, mas intensificando o enfoque na realidade de Novo Hamburgo e destrinchando diretrizes para o alcance de metas, já visando à aproximação do centenário do município. Novamente, o seminário será realizado com apoio de instituições de ensino, entidades representativas e poder público.

A primeira reunião de organização reforçou o interesse dos participantes e estabeleceu os passos iniciais do seminário. A principal finalidade traçada para os debates é o direcionamento de ações continuadas, impedindo a interrupção do processo coletivo de pensamento sobre o desenvolvimento da cidade. As instituições parceiras desenham o evento como a possibilidade de propor a resolução de gargalos, conectar atividades paralelas e construir redes de cooperação.

Data do seminário deverá ser definida na próxima semana

O presidente da Cofin, Enio Brizola, enalteceu o apoio das entidades na realização do primeiro seminário, destacou o impacto positivo do evento e salientou a necessidade de uma construção conjunta do novo ciclo de debates, abordando tópicos como cadeias produtivas e inovação tecnológica. “Existe um alinhamento de que o foco é a cidade, entender o que temos, para onde vamos, o que queremos, para quando queremos e como vamos fazer. Tudo isso sem desconsiderar o fator regional”, enfatizou.

“O seminário do ano passado foi excelente. Ainda é um embrião, mas já conversamos inclusive em ampliá-lo para uma abrangência regional, integrando outros municípios”, corroborou o diretor-geral da Câmara, Deiwid Amaral da Luz. Uma segunda reunião deve ser realizada já na próxima quinta-feira, 1º de agosto. No encontro deverá ser definida a data do evento e escolhido um grupo executivo para operacionalizá-lo.