Câmpus da Universidade Feevale em Campo Bom terá Hospital Escola Veterinário | Universidade Feevale

Câmpus da Universidade Feevale em Campo Bom terá Hospital Escola Veterinário

27/02/2018 - Atualizado 06/03/2018 10h05min
Assinatura de termo de doação foi realizada na Prefeitura de Campo Bom.
Assinatura de termo de doação foi realizada na Prefeitura de Campo Bom.

Doação da área de 5 mil m² à Instituição, pelo Município, foi formalizada nesta terça-feira, no gabinete do prefeito Luciano Orsi


Nesta terça-feira, 27 de fevereiro, foi dado mais um passo para a expansão da Universidade Feevale e do Feevale Techpark. Foi realizada a assinatura da doação da área, pela prefeitura de Campo Bom, que será utilizada para a construção do Hospital Escola Veterinário no Câmpus III, junto ao Feevale Techpark. A formalidade, que aconteceu no gabinete do prefeito do município, Luciano Orsi, contou com as presenças do presidente da Associação Pró-Ensino Superior em Novo Hamburgo (Aspeur) Luiz Ricardo Bohrer, da reitora da Universidade Feevale Inajara Vargas Ramos, e do pró-reitor de Inovação da Instituição Cleber Prodanov, entre outras autoridades.

A formalização da doação da área, localizada próxima ao prédio principal do Feevale Techpark, é mais uma etapa de um processo de desenvolvimento do parque tecnológico e da implantação do Câmpus III da Feevale, pois a previsão é que o curso de Medicina Veterinária – que está em processo de tramitação para autorização no Ministério da Educação (MEC) – seja a primeira graduação a se iniciar no complexo. Também marca a evolução do Feevale Techpark rumo ao Cluster da Saúde, pois o hospital, por estar incorporado tanto ao parque quanto ao câmpus, poderá dialogar com as empresas da área da saúde ali instaladas.

Com investimento estimado em cerca de R$ 22,5 milhões, o projeto do hospital, que está sendo desenvolvido pelos arquitetos e urbanistas do setor de Projetos e Obras da Feevale, prevê salas de atendimento, ala cirúrgica, pavilhões de internação, laboratórios e outras, além de uma área de campo para manejo de grandes animais. O projeto também abarca conceitos sustentáveis, com a utilização de energias renováveis, como placas solares para aquecimento da água e geração de energia e reaproveitamento da água da chuva, por exemplo. Haverá, ainda, contrapartidas com o município, no sentido de proporcionar atendimentos à comunidade de baixa renda. A previsão é que, tão logo o curso de Medicina Veterinária receba o aval pelo MEC, sejam iniciadas as obras.

De acordo com o pró-reitor de Inovação da Feevale, Cleber Prodanov, esse espaço, associado aos laboratórios e empresas já instalados na Universidade e no Feevale Techpark, permitirá o avanço no desenvolvimento de vacinas e testes diagnósticos para doenças humanas e animais que impactam tanto a área de Saúde Humana quanto da Pecuária. “A doação do terreno para instalação do Hospital Escola Veterinário, além de consolidar a implementação do curso de Medicina Veterinária no Câmpus III, é um passo importante para a afirmação e consolidação da área da Saúde, tanto humana quanto animal, do Feevale Techpark, e vai dialogar muito com algumas empresas que já temos instaladas lá, especialmente àquelas voltadas ao Medical Valley. Essa tríade hospital-curso superior-parque tecnológico é importante para que aquela área seja um polo de desenvolvimento e geração de emprego e renda”, explica.

Corroborando com o pró-reitor, a reitora Inajara Vargas Ramos destaca, ainda, que este é mais um grande passo na consolidação do processo integrativo entre a Universidade e o poder público de Campo Bom no que concerne à ampliação das relações comunitárias e de responsabilidade social da Feevale com sua comunidade. “É sempre gratificante constatar o quanto a Universidade é chamada a contribuir com o desenvolvimento local”, destaca.

Conforme Luiz Ricardo Bohrer, presidente da Associação Pró-Ensino Superior em Novo Hamburgo (Aspeur), mantenedora da Feevale, desde seu início a Instituição se preocupa com o desenvolvimento da Universidade e da região em que esta está inserida. “Essa parceria vai permitir que se realize um sonho antigo da Feevale, que é um hospital veterinário. Este é um passo fundamental para o Câmpus III”, afirma. Já para prefeito de Campo Bom, Luciano Orsi, é uma alegria renovar a parceria com a Universidade. “Em função das contrapartidas, o hospital ajudará o município a solucionar muitas questões e formar novos profissionais, fomentando o desenvolvimento da região”, disse.

Sobre o projeto

- Área total do terreno: 5.000 m²

- Previsão de área construída: 4.990m²

- O edifício terá cinco pavimentos: dois contemplarão as atividades práticas do curso e os atendimentos hospitalares aos animais; um andar será de uso específico para os animais de grande porte e outro para os animais de pequeno porte; os demais, serão utilizados para salas de aula e laboratório. O subsolo será utilizado como área técnica da edificação e para as atividades de apoio ao funcionamento do hospital.

- Estão previstos salas de atendimento, ala cirúrgica com blocos para pequenos e grandes animais, pavilhões de internação de pequenos e grandes animais, setores de recepção e triagem, descarte de materiais, farmácia hospitalar, setor de preparo de rações, biotério, laboratório de bioquímica e hematologia, laboratório de microbiologia, laboratório de bromatologia e inspeção de alimentos, laboratório de reprodução animal, serviço de diagnóstico por imagem, laboratório de patologia com ampla sala de necropsia; além de uma área de campo para manejo de grandes animais.

- Também estão previstos espaços de convivência e descanso para os acadêmicos e professores, como cafeteria, sala de estudo, um jardim no terraço, além de um auditório para eventos acadêmicos.

- O projeto segue as normativas do Conselho Profissional de Medicina Veterinária e Vigilância Sanitária Estadual.

Benefícios para a comunidade:

Haverá atendimento, para as famílias de baixa renda, de:

- até 5 animais de grande porte por mês, para tratamento clínico e cirúrgico

- até 5 animais de pequeno e médio porte por semana, para tratamento clínico e cirúrgico

- até 5 animais de pequeno e médio porte por semana, para controle populacional por castração

- distribuição de 30 fichas para exames hematológicos semanais com requisição veterinária para animais de famílias de baixa renda

Também disponibilizará:

- até 20 análises laboratoriais mensais para as atividades de inspeção sanitária de alimentos derivados de origem animal para o município

 
Atendimento Feevale Câmpus I De segunda a sexta-feira, das 7h15min às 22h15min. Câmpus II De segunda a sexta-feira, das 8h às 22h15min.
Aos sábados, das 8h às 12h
(51) 3586 8800 Núcleo de Relacionamento De segunda a sexta-feira, das 7h30min às 22h.
Aos sábados, das 8h30min às 13h45min.
(51) 3586 8822 falecomafeevale@feevale.br Retornaremos no prazo de 72 horas úteis. Contate-nos
Atendimento Feevale

Os atendimentos presenciais realizados no setor Atendimento Feevale de ambos os câmpus podem ser agendados.

Localização: sala 207 – 2º andar
Horário: de segunda a sexta-feira, das 7h15min às 22h15min
Localização: sala 101 – térreo do prédio Lilás
Segunda a sexta-feira, das 8h às 22h15min
Aos sábados, das 8h às 12h

Verifique os demais setores que disponibilizam o atendimento agendado.

Saiba mais