Banner de topo -  Intercâmbio de Graduação

Um ano que promete para o Feevale Techpark

Parque tecnológico da Universidade Feevale está na contramão da crise
O ano de 2017 chegou trazendo muitas novidades para o Feevale Techpark, que já havia encerrado 2016 com saldo positivo, somando 50 empresas instaladas. Na contramão da crise política e econômica nacional e mundial, a Universidade Feevale, por meio do seu parque tecnológico, já conta com mais de R$ 3,2 milhões de recursos oriundos de projetos aprovados pela Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDECT). Esse valor, somado a aproximadamente R$ 199 mil depositados pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), ultrapassa em cerca de R$ 600 mil o aporte recebido em todo o ano passado. Os recursos recebidos, mais contrapartidas da Universidade Feevale e da iniciativa privada, serão investidos em diferentes setores.

Investimento em estrutura para inovação

Entre as propostas aprovadas pela SDECT está a criação de um Centro Multissetorial de Desenvolvimento de Tecnologias Avançadas do Feevale Techpark em sua unidade de Campo Bom. “Para esse projeto foi aprovado o maior recurso, de quase R$ 2 milhões, que será destinado à implantação de dois grandes laboratórios focados na prestação de serviços das empresas e, também, no desenvolvimento de produtos", detalha o pró-reitor de Inovação da Universidade, Cleber Prodanov. Um desses espaços, um fab lab, contará com impressoras 3D que complementarão o trabalho realizado com equipamentos já existentes, possibilitando que as empresas sediadas no Parque possam projetar, desenvolver e, inclusive, prototipar seus produtos dentro do laboratório. 

A parceria com empresas da região vai auxiliar no desenvolvimento de uma segunda proposta. “A Formas Kunz, a SS Engenharia e a Ekobio integrarão um projeto que tem dois focos de atuação: o desenvolvimento de materiais poliméricos para o setor calçadista e de perfis voltados para a construção civil, incorporando resíduo wet blue e serragem de acácia-negra”, detalha. De acordo com Prodanov, a iniciativa conta, ainda, com a participação da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS). “As duas universidades desenvolverão produtos e metodologias em seus laboratórios e as empresas aplicarão a parte prática”, complementa.

Também na unidade campo-bonense do Parque, um terceiro projeto aprovado contempla a Incubadora Tecnológica da Universidade Feevale. “Trata-se de uma plataforma para o desenvolvimento de empresas nas áreas de games e saúde, utilizando, inclusive a tecnologia da realidade virtual e aumentada”, salienta o pró-reitor.


Educar para empreender

O Sebrae entrou com aporte financeiro para outra iniciativa que, por sua vez, visa estimular o empreendedorismo, aproximando comunidade e Universidade. “O recurso de R$ 199,880 será aplicado em disciplinas e eventos voltados ao empreendedorismo e direcionados aos acadêmicos da Instituição e à comunidade", afirma.
Confira os projetos aprovados: 

Implantação de Centro Multissetorial de Desenvolvimento de Tecnologias Avançadas do Feevale Techpark
Valor: R$ 1.811.469,27
Objetivo: consolidar o Feevale Techpark como um ambiente propício à inovação e à transferência de tecnologia, por meio da instalação do Centro Multissetorial de Tecnologias Avançadas como ferramenta para desenvolver novos produtos ou processos, visando à sinergia entre as empresas residentes, o Parque e a Universidade Feevale.

Desenvolvimento de materiais poliméricos alternativos para a fabricação de formas para calçados e perfis da construção civil
Valor: R$ 1 milhão
Objetivo: desenvolver novas misturas poliméricas com propriedades adequadas para a utilização em formas para o segmento calçadista e perfis voltados para a construção civil, incorporando resíduo wet blue (do setor coureiro) e serragem de acácia-negra, como reforço de carga na formulação. 

Desenvolvimento de novas empresas na área de games e saúde na Incubadora Tecnológica da Universidade Feevale
Valor: R$ 486.145,45
Objetivo: desenvolver novos produtos, serviços ou tecnologias com interface nas áreas da saúde e indústria criativa, por meio da prospecção de demanda pela plataforma de open innovation. Visa à geração de novas empresas de base tecnológica, inovadoras e com alto potencial de crescimento e inserção de mercado.

Educação empreendedora na Universidade Feevale
Valor: 199.880,00
Objetivo: promover diferentes encontros e eventos que reúnam comunidade externa e acadêmica, a fim de trabalhar a educação empreendedora.
16/02/2017 - Atualizado 17h25min
 
 
Interessado em receber notícias da Feevale? Cadastre-se e receba nossa newsletter.

Gostaria de entrar em contato com a Feevale?

 

Câmpus I Av. Dr. Maurício Cardoso, 510 | Bairro Hamburgo Velho | Novo Hamburgo, RS | CEP 93510-250 | » Como Chegar

Câmpus II ERS-239, 2755 | Novo Hamburgo, RS | CEP 93525-075 | Telefone: (51) 3586-8800 | » Como chegar

Universidade Feevale - Todos os direitos reservados.