Banner de topo -  Intercâmbio de Graduação

Como se sair bem na prova de redação?

31/01/2017 - Atualizado 15h21min
Confira as dicas para se preparar para a prova e controlar a ansiedade
A prova de redação ainda é um dos principais motivos de preocupação para os estudantes que vão disputar uma vaga no Ensino Superior ou garantir a certificação do Ensino Médio. E não é para menos. Resultados do último Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) apontam que apenas 77 estudantes conseguiram a nota máxima na prova de redação. Dos participantes, cerca de 292 mil tiveram a redação anulada ou receberam nota zero.
 
Das redações que tiraram zero no Enem, os principais motivos, segundo o Ministério da Educação (MEC), foram: fuga ao tema; parte desconectada, ou seja, trechos do texto não estavam ligados à proposta; cópia de texto motivador; texto insuficiente; e texto que fere os direitos humanos.
 
Para a professora Gabriela Fabian, do Centro de Idiomas da Universidade Feevale, e para a psicóloga Eloá de Oliveira da Silva, que também atua na Instituição, se o estudante estiver bem preparado, seja dominando algumas questões da Língua Portuguesa, seja controlando a ansiedade, ele se sairá bem na prova de redação. Confira as dicas.
 
Prepare-se para a prova!
 
- Leia bastante e estude os temas da atualidade: aplique conceitos/argumentos de várias áreas do conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do comentário crítico.
 
- Demonstre domínio da norma culta da língua escrita.
 
- Organize um breve brainstorming antes de começar seu texto, ou seja, coloque suas ideias no papel. Pense em algumas palavras-chave que são indispensáveis, quando você pensa no tema escolhido. Selecione, relacione, organize e interprete informações, fatos, opiniões, argumentos em defesa de um ponto de vista. Coloque tudo isso num rascunho e comece sua redação.
 
- Antes de passar para a folha oficial, releia o texto com atenção e faça as correções necessárias. Fique atento à pontuação, à grafia das palavras e ao uso dos conectivos, termos que servem para encadear as ideias e dar sentido ao texto. Quer ver? Acompanhe os exemplos a seguir:
I - A ansiedade é um sentimento que muitos vestibulandos demonstram, principalmente, antes e durante a prova, ou seja, poucos buscam controlá-lo. No entanto, nesta matéria, nos preocupamos em apresentar algumas sugestões que podem ajudá-lo no dia da prova.
 
Você achou o texto confuso?  E se tirássemos os termos em negrito? Quantas informações temos?
 
(1) A ansiedade é um sentimento que muitos vestibulandos demonstram, principalmente, antes e durante a prova. (2) Poucos buscam controlá-lo. (3) Nesta matéria, nos preocupamos em apresentar algumas sugestões que podem ajudar no dia da prova.
 
Confira a reescrita do texto, utilizando novos vocábulos que unem as três ideias.
 
II - A ansiedade é um sentimento que muitos vestibulandos demonstram, principalmente, antes e durante a prova, mas poucos buscam controlá-lo. Por isso, nesta matéria, nos preocupamos em apresentar algumas sugestões que podem ajudá-lo no dia da prova.
 
No primeiro exemplo, os conectivos destacados estão empregados de forma equivocada. Os termos sendo assim e no entanto expressam circunstância de explicação e adversidade/oposição respectivamente, o que faz com que as ideias fiquem confusas para o leitor. Já no segundo exemplo, são utilizados termos que demonstram adversidade/oposição e explicação, deixando o texto coeso e coerente.
 
- Lembre-se: um articulador mal empregado pode mudar todo o sentido da ideia no texto.
 
- Quando terminar o rascunho, faça uma releitura do que você escreveu e “converse” com o seu texto, pois ele deve ser compreendido por diferentes leitores. Se alguma ideia não estiver clara para você, o próprio autor, certamente outras pessoas terão dificuldade para compreendê-la.
 
Controle a ansiedade!
 
- A ansiedade é uma característica biológica do ser humano, portanto, é normal que você se sinta ansioso antes da prova do vestibular.
 
- Exercite a respiração: aspire o ar pelo nariz e solte-o pela boca. Respire devagar e faço esse exercício no mínimo umas cinco vezes. Isso o ajudará a baixar o nível dos seus hormônios, fazendo com que você raciocine e se concentre mais.
 
- Na véspera da prova, evite bebidas alcoólicas, ingira alimentos leves, tente dormir cedo e não faça uso de medicamentos para memorização.
 
- No dia anterior procure, também, fazer atividades que lhe tragam momentos de descontração: assista a um filme, converse com amigos e relaxe para afastar os pensamentos em relação à prova.
 
- Separe a documentação necessária, informe-se com antecedência sobre o local da prova, certifique-se do melhor caminho para chegar até lá e procure estar no local com no mínimo uma hora de antecedência.
 
 
Interessado em receber notícias da Feevale? Cadastre-se e receba nossa newsletter.

Gostaria de entrar em contato com a Feevale?

Veja Também

 

Câmpus I Av. Dr. Maurício Cardoso, 510 | Bairro Hamburgo Velho | Novo Hamburgo, RS | CEP 93510-250 | » Como Chegar

Câmpus II ERS-239, 2755 | Novo Hamburgo, RS | CEP 93525-075 | Telefone: (51) 3586-8800 | » Como chegar

Universidade Feevale - Todos os direitos reservados.